II Seminário de Bens Culturais aborda “captação de recursos para reforma, conservação e restauro”

Imagem-siteA Arquidiocese de Juiz de Fora, em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais e o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha), promove neste ano seu II Seminário de Bens Culturais. O evento, que acontecerá nos dias 17, 18 e 19 de novembro, abordará o tema “Captação de recursos para reforma, conservação e restauro”.

O evento será realizado no Auditório Mater Ecclesiae, no prédio da Cúria Metropolitana de Juiz de Fora. Os responsáveis pelas palestras serão os membros da Secretaria Estadual e do Iepha. Entre os temas a serem abordados estão “Bens materiais e imateriais e sua proteção”, “Leis de Incentivo”, “ICMS Cultural” e “Captação de Recursos”.

As inscrições para o II Seminário de Bens Culturais já estão abertas e podem ser feitas até o dia 10 de novembro pelo site da Arquidiocese de Juiz de Fora (clique aqui). O investimento é de R$ 150 para aqueles que se inscreverem até 21 de outubro e de R$ 200 depois deste dia.

Lembrando que as inscrições só serão confirmadas mediante o envio do comprovante de pagamento. Mais informações podem ser obtidas através do WhatsApp (32) 99929-7435 ou do e-mail ‘O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.’. Confira, abaixo, a programação completa e os dados bancários para a efetivação da inscrição.

Programação

Dia 17 de novembro – Quinta-feira
17h – Credenciamento
18h – Abertura – Celebração Eucarística
19h30 – Palestra “Bens materiais e imateriais e sua proteção”

Dia 18 de novembro – Sexta-feira
8h – Credenciamento
9h – Palestra “Leis de Incentivo”
10h30 – Coffee Break
11h – Palestra “LAB e Lei Paulo Gustavo”
12h30 – Almoço
14h – Palestra “Economia Criativa”
15h30 – Coffee Break
16h – Palestra “Turismo Cultural e suas influências”
17h30 – Palestra “Inserção de Projetos na Plataforma Digital”

Dia 19 de novembro – Sábado
8h – Palestra “ICMS Cultural”
9h30 – Palestra “Captação de Recursos”
10h45 – Coffee Break
11h15 – Palestra “Prestação de Conta”
13h – Encerramento

Investimento

Inscrições até 21 de outubro: R$ 150 (cento e cinquenta reais)
Inscrições de 22 de outubro a 15 de novembro: R$ 200 (duzentos reais)

*A taxa de inscrição NÃO inclui hospedagem e alimentação.

**O pagamento pode ser feito por Pix ou transferência bancária.

***O comprovante de pagamento deve ser enviado para o WhatsApp (32) 99929-7435.

**** As inscrições só serão confirmadas após o envio do comprovante de pagamento. Portanto, é preciso ficar atento aos prazos.

Dados para pagamento da taxa de inscrição:

– PIX:
CNPJ – 21.606.025/0001-03

– Transferência bancária:
Conta Corrente
Agência: 3029
CC: 1003-1
Operação: 003
CNPJ: 21.606.025/0001-03

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora

Evento da Pascom Arquidiocesana tem inscrições prorrogadas

prorrogadasUma semana a mais. Esse é o prazo que apaixonados por comunicação tem para se inscrever no Encontro Arquidiocesano da Pascom. O evento acontece no primeiro sábado de novembro, no prédio da Cúria Metropolitana, a partir das 8h.

A programação conta com a participação do Coordenador Nacional da Pascom, Marcus Tullius; e do Padre Arnaldo Rodrigues, da Arquidiocese do RJ, que falará sobre os desafios atuais da Comunicação Eclesial. Ainda haverá um workshop sobre redes sociais. Nele, aprenderemos a utilizar de forma mais profissional as ferramentas que as redes nos oferecem.

O investimento é de R$ 70 por pessoa. O valor, que inclui café da manhã, almoço e lanches, poderá ser pago pelas paróquias na Tesouraria da Cúria Metropolitana, juntamente com o acerto do balancete. Para se inscrever basta acessar o seguinte formulário (clique aqui).

As inscrições terminam na próxima terça-feira, dia 1º de novembro.

Mais informações:

(32) 3229-5460

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora

Padroeira do Brasil é celebrada na Catedral

n sra aparecida1No dia 12 de outubro, a Igreja do Brasil celebrou a sua padroeira, Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Na Catedral, milhares de fiéis participaram das celebrações deste dia especial e o arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, dom Gil Antônio Moreira, presidiu a missa dos motociclistas que foi concelebrada pelo nosso pároco, padre João Paulo, e também teve a participação do diácono Antonio e da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha). A celebração foi realizada logo após a 26ª Motociata de Nossa Senhora Aparecida e a bênção dos capacetes na porta da Catedral.

Dom Gil destacou, na sua entrevista, as intenções da celebração da Rainha e Padroeira do Brasil. “Colocamos nas mãos de Nossa Senhora o nosso Brasil, neste tempo de eleições, tempo de tanta polarização e dificuldades, mas sobretudo tempo de muita esperança e confiança em Deus, nosso Senhor. Que reine a paz, a justiça, a fraternidade e o progresso para todos os brasileiros. Que Deus ilumine a cada brasileiro na hora de escolher o candidato em que deve votar e Nossa Senhora proteja cada eleitor, cada brasileiro e a todo nosso país. Pedimos também a ela que interceda a Deus por cada um de nós, como intercedeu nas Bodas de Caná e que ela seja para nós modelo e força de fidelidade a Deus, a nossa fé em todos os momentos fáceis e difíceis. ”

n sra aparecida2De acordo com um dos organizadores da Motociata, Antônio Carlos Lourenço Ribeiro (mais conhecido como Toninho), a sensação é de “dever cumprido, mais um ano de bênçãos e cada dia que passa a gente vai fazendo os agradecimentos pelas bênçãos que vem recebendo. Por incrível que pareça, esse ano foi mais fácil arrumar patrocinadores, tivemos muita ajuda dos empresários e micro empresários de Juiz de Fora o que tornou o evento bacana, tivemos muitos sorteios, não houve nenhuma ocorrência no percurso, foi tudo tranquilo, foi tudo muito bonito”, completou.

Toninho também narrou na entrevista seu testemunho de livramento que teve recentemente, por intercessão de Nossa Senhora. “Na sexta-feira eu estava indo para uma reunião e antes de chegar em Tabuleiro o volante do meu carro começou a tremer e pensei, vou dar uma segurada na velocidade e vou parar num local seguro para ver o que está acontecendo. E antes de chegar o pneu estourou, mas com a fé que eu tenho, fiquei muito tranquilo e consegui controlar o carro, eu não, Nossa Senhora me conduziu. Quem tem fé e acredita recebe as bênçãos. ”

O motociclista, Alberto Felipe Damasceno, que conduziu a moto com a imagem falou sobre a sua emoção e também contou uma graça que alcançou pela intercessão de Nossa Senhora Aparecida. “Foi uma grande honra levar a imagem depois de quatro anos tentando, e eu fiquei muito satisfeito, muito feliz de poder levar a imagem neste ano e agradecer porque pedi a ela há uns três meses atrás um emprego e ela providenciou na véspera do dia dela. Então agradeço muito a Nossa Senhora Aparecida, que ela abençoe todos os participantes e que Deus cubra de bênçãos a cada um de nós”, finalizou emocionado.

n sra aparecida3Ao final da celebração, um dos organizadores da 26ª Motociata, Antônio Ribeiro (Toninho) presenteou o arcebispo com uma camisa do evento e agradeceu a oportunidade de participar mais uma vez do momento. Em seguida todos os presentes fizeram a consagração à Nossa Senhora da Conceição Aparecida e depois foi realizada uma chuva de pétalas de rosas da Cúpula da Catedral.

Confira as fotos da celebração em nosso Facebook.

Leia mais

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades da Catedral.
  1. Facebook
  2. Twitter
  3. Instagram
  4. Video