Arcebispo de Juiz de Fora divulga novas orientações para a Semana Santa

semana santa 2021Na manhã desta quinta-feira, 25 de março, Solenidade da Anunciação do Senhor, o Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, divulgou ao Clero novas orientações para as celebrações da Semana Santa. No início do texto, o pastor ressalta que as indicações respeitam às últimas determinações dos governos Estadual e Municipal mediante o aumento do número de casos e mortes por Covid-19, buscando proteger a saúde dos fiéis e garantir a eles o direito de praticar a sua fé.

Para o Domingo de Ramos, Dom Gil deixou os padres decidirem sobre a realização, ou não, de missas presenciais, desde que respeitados os limites de ocupação das igrejas. No caso da Catedral Metropolitana, onde o Arcebispo presidirá a Celebração Eucarística das 10h, será permitida a participação de fiéis até serem completos 20% dos lugares. Além disso, “os fiéis sejam previamente exortados a trazer seus próprios ramos de casa, uma vez que não devem ser distribuídos nas igrejas”, pediu o pastor. Para as paróquias de outros municípios, a indicação é que cada pároco veja com o prefeito o melhor a ser praticado.

Da Segunda-feira Santa ao Sábado de Aleluia, as atividades serão somente transmitidas, sem a participação presencial dos fiéis. Por isso, Dom Gil pede que as paróquias utilizem, o máximo possível, as redes sociais. “O importante é que todos tenham o direito e a oportunidade de acompanharem de seus lares, a Igreja doméstica, às celebrações”, afirmou.

Para a Quinta-feira, a Sexta-feira e o Sábado santos, o Arcebispo de Juiz de Fora dá diretrizes específicas, com a omissão de ritos tradicionais, segundo orientações da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos e da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Além disso, a Missa do Santo Crisma, que reúne todo o Clero na manhã de quinta-feira, foi transferida para o dia 1º de maio, às 9h, na Catedral Metropolitana.

Para o Domingo de Páscoa, Dom Gil pede que haja ao menos uma Missa com participação presencial do povo em cada paróquia. Neste dia, ele estimula o toque festivo dos sinos, anunciando as alegrias pascais. Outro apontamento do pastor diz respeito à não realização de confissões e encenações da Paixão de Cristo durante a semana.

O Arcebispo Metropolitano insiste na ativa participação dos fiéis de suas casas e, assim como em 2020, pede que as janelas, portas e varandas sejam enfeitadas conforme o espírito da Semana Santa: com ramos do próximo domingo (28), com uma cruz ou crucifixo ornado com um pano roxo na Segunda, Terça e Quarta-feira Santas. Na Quinta-feira à noite, o tecido deve ser substituído pelo vermelho. “Podendo estar acompanhado por uma cruz ou crucifixo, recordando a morte redentora de Cristo, o sangue derramado em nosso favor, para a nossa salvação. Assim permaneça até antes da Vigília Pascal, quando deve ser substituído por decoração branca, homenageando a ressurreição do Senhor”.

Por fim, Dom Gil Antônio Moreira deixa uma mensagem de esperança aos arquidiocesanos. “A pandemia continua, mas muito mais forte do que ela é a força da ressurreição do Senhor: a luz benfazeja, a salvação redentora, a vida que renasce. Sejamos alegres, não permitamos que a tristeza invada o nosso coração”.

Clique aqui e confira o comunicado na íntegra.

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora

Mons. Luiz Carlos comemora aniversário natalício

mons siteNa próxima segunda-feira, 29 de março, nosso vigário paroquial, monsenhor Luiz Carlos de Paula, comemora seu aniversário natalício. 

Mons. Luiz Carlos é natural de Santa Rita de Jacutinga e foi ordenado sacerdote em 5 de dezembro de 1987, seu lema de ordenação é: "Sei em quem acreditei" (2Tm 1,12).

Já atuou em outras paróquias da Arquidiocese de Juiz de Fora nas cidades de Santa Rita de Jacutinga - MG, Passa Vinte-MG, Lima Duarte-MG, Conceição de Ibitipoca -MG, Olaria-MG e em Juiz de Fora, na Paróquia Bom Pastor. Atualmente é vigário geral da Arquidiocese de Juiz de Fora, vigário paroquial na Catedral Metropolitana e reitor do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio.

Desejamos que Deus continue derramando bênçãos sobre a vida do monsenhor Luiz Carlos e que a sua vida de discípulo missionário na construção do Reino seja sempre iluminada pela luz do Espírito Santo. Parabéns!

Arquidiocese promove live sobre Mensagem do Dia Mundial das Comunicações Sociais

22-de-marco- 19h30-1Na próxima segunda-feira, dia 22 de março, a Arquidiocese de Juiz de Fora promove uma live sobre a Mensagem do Papa Francisco para o 55º Dia Mundial das Comunicações Sociais, que tem como tema “’Vem e vede’ (Jo 1,46). Comunicar encontrando as pessoas como e onde estão”.

O encontro online será conduzido pelo Vigário Episcopal ara Educação, Comunicação e Cultura, Padre Antônio Camilo de Paiva, e tem como objetivo ser um momento de espiritualidade e reflexão sobre o tema proposto.

São convidados a participar todos os agentes da Pascom, profissionais de Jornalismo que atuam nas paróquias, e também os voluntários que ajudam nas transmissões.

A live está marcada para as 19h30 e pode ser acompanhada ao vivo pelo Facebook e YouTube da Arquidiocese de Juiz de Fora.

“Vem e vede”

No ano de 2021, a celebração Dia Mundial das Comunicações Sociais será em 16 de maio. Segundo o comunicado da Santa Sé, a motivação para a escolha do tema é a seguinte:

“Vinde ver”. Essas palavras do apóstolo Filipe são centrais no Evangelho: o anúncio cristão, ao invés de palavras, é feito de olhares, testemunhos, experiências, encontros e proximidade. Em uma palavra, vida. Essas palavras, citadas no Evangelho de João (1, 43-46), foram escolhidas pelo Papa Francisco como tema da 55ª Mensagem para o Dia Mundial das Comunicações Sociais. “Comunicar encontrando as pessoas como e onde estão” é o subtítulo.

Na mudança de época que estamos vivendo, num tempo que nos obriga à distância social por causa da pandemia, a comunicação pode tornar possível a proximidade necessária para reconhecer o que é essencial e compreender realmente o significado das coisas.

Não conhecemos a verdade se não fazemos experiência, se não encontramos as pessoas, se não participamos de suas alegrias e tristezas. O velho ditado “Deus encontra você onde você está” pode ser um guia para aqueles que trabalham na mídia ou na comunicação na Igreja. No chamado dos primeiros discípulos, com Jesus que vai ao seu encontro e os convida a segui-lo, vemos também o convite para usar todos os meios de comunicação, em todas as suas formas, para alcançar as pessoas como são e onde vivem.

Confira a mensagem para o Dia Mundial das Comunicações Sociais e se prepare para a live.

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora com informações do site da Santa Sé

Leia mais

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades da Catedral.
  1. Facebook
  2. Twitter
  3. Instagram
  4. Video