Catedral celebra Festa Sinodal online de Nossa Senhora do Carmo

novena festa nscarmoEntre os dias 07 e 15 de julho, a Catedral celebra a novena em honra à Nossa Senhora do Carmo que, neste ano, será totalmente transmitida (saiba abaixo como participar da sua casa).

No dia 16, quinta-feira, as missas festivas acontecem às 12h e 18h, e marcam a festa de Nossa Senhora do Carmo. Este ano, devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), poucos membros da Ordem Terceira do Carmo (OTC), ficaram responsáveis apenas pela pré-organização da Novena e Festa por causa do distanciamento social.

Saiba onde assistir

De segunda a sábado as transmissões serão realizadas pelo Youtube e Facebook da Web TV A Voz Católica, às 12h e 18h, e no domingo a transmissão será às 10h. Já pela Rádio Catedral FM 102,3 as transmissões acontecem de segunda a sábado, 12h, e domingo, 10h.

Nossa Senhora do Carmo

a12.com (Colaboração: Padre Evaldo César de Souza, CSsR)

A devoção a Nossa Senhora do Carmo está ligada ao Monte Carmelo, local onde o profeta Elias tinha muitas de suas visões.

No ano 93 depois de Cristo, monges construíram sobre o Carmo, abreviatura de Carmelo, uma capela em louvor à Virgem Maria. O local permaneceu ao longo dos tempos como residência e ponto de peregrinação de monges e religiosos.

No século XII, alguns eremitas franceses, dirigidos por São Bertoldo acabaram fundando a Ordem de Nossa Senhora do Carmo. Foi assim que surgiu a Ordem dos Carmelitas, que tem a Virgem do Carmo e o profeta Elias, como seus patronos.

A Ordem dos Carmelitas se expandiu para a Europa, inclusive na Inglaterra. Nesta época, a Ordem sofria muitas perseguições, internas e externas. Foi quando, Simão Stock, superior da Ordem, pediu a ajuda de Maria. A Virgem do Carmo, cercada de anjos, teria então aparecido à sua frente, dando seu apoio e entregando-lhe o Escapulário do Carmo, como símbolo de sua união com os monges, prometendo salvação e vida eterna à todos que o usassem. Era o dia 16 de julho de 1251 e a aparição se deu em Cambridge, na Inglaterra.

O grande crescimento da Ordem se deu graças à instituição do Escapulário de Nossa Senhora do Carmo, cujo uso se popularizou, em todo o mundo católico, pela fé e devoção à Maria Santíssima que conduz ao Cristo Jesus. O Papa Pio XII recomendou a devoção ao escapulário, símbolo da proteção da Mãe de Deus.

Arcebispo se pronuncia sobre cancelamento de missas presenciais em Juiz de Fora

Fechamento-das-igrejas-scaledTendo em vista a última determinação do Prefeito Antônio Almas, que acolheu a opinião do Comitê Municipal de Enfrentamento e Prevenção à Covid-19 no dia 30 de junho, no sentido de não haver celebrações religiosas com a presença de 30 pessoas, como havia autorizado por decreto no dia 12 de junho passado, o Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, estabelece que, a partir desta quinta-feira, 2 de julho, as celebrações voltem a ser realizadas, nas paróquias de Juiz de Fora, apenas com o pessoal do altar e a equipe de apoio.

Dom Gil Antônio colabora com os responsáveis pela saúde pública, como tem feito desde o início da pandemia, porém lamenta o prejuízo financeiro decorrente da medida. Isso porque, após o decreto de meados do último mês, paróquias esforçaram-se para adquirir tapetes químicos, álcool em gel e medidores de temperatura a fim de garantir, de forma segura e responsável, a proteção dos fiéis que acompanhariam presencialmente a Eucaristia.

Tendo participado da reunião, a convite, juntamente com dois pastores evangélicos, o Arcebispo sugeriu que a medida voltasse a ser revista daqui a 15 dias, para que a participação presencial fosse meta a ser atingida e voltasse a ser praticada, mesmo com número reduzido de pessoas temporariamente, enquanto não for possível voltar à normalidade. Sua opinião foi acatada pelo Prefeito e pelo Comitê.

“Aguardemos com paciência e procuremos ter o máximo de cuidado com a doença pandêmica”, disse Dom Gil em mensagem aos sacerdotes da Arquidiocese. Durante este período, continuam valendo as orientações que incentivam a participação dos fiéis em missas e celebrações através da TV e/ou das redes sociais.

Com relação aos demais municípios que fazem parte do território arquidiocesano, a indicação é que as paróquias sigam as orientações das prefeituras locais.

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora

Dom Gil receberá homenagem do Exército Brasileiro

Medalha-do-ExercitoNa última semana, o Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora recebeu a notícia que será homenageado pelo Exército Brasileiro. Dom Gil Antônio Moreira receberá a “Medalha do Exército Brasileiro”, uma condecoração dada para distinguir cidadãos que tenham praticado ação ou serviço relevante em prol do interesse e bom nome do exército.

O Arcebispo manifestou sua satisfação com o reconhecimento. “(Fico) Muito lisonjeado por esta homenagem que, de fato, muito me honra, reconhecido de que está além dos meus merecimentos. Reforço minha admiração, meus respeitos pelas Gloriosas Forças Armadas, bem como meu amor sincero à Pátria e ao Povo Brasileiro”, respondeu ele ao saber do convite.

A cerimônia de entrega da medalha será dia 14 de julho, no Comando da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha). Uma data que muito alegra Dom Gil, pois neste mesmo dia ele está completando 21 anos de eleição episcopal.

Fonte: site da Arquidiocese de Juiz de Fora

Leia mais

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades da Catedral.
  1. Facebook
  2. Twitter
  3. Instagram
  4. Video